Colégio de Economia Doméstica Elza Barreto, Escola Agrotécnica Federal de Iguatu e Instituto Federal de Educação do Ceará. Em 63 anos, o campus Iguatu do IFCE teve muitos nomes e participou da vida de milhares de estudantes e servidores. Para comemorar mais esse ano de existência, no próximo dia 23, o campus vai promover atividades para a comunidade interna e externa.

Para discutir a educação profissionalizante, será realizada, nesta sexta-feira (23), a aula de acolhida da Especialização em Educação Profissional e Tecnológica com a pedagoga da Pro-reitoria de Ensino do IFCE, Ana Cláudia Uchôa Araújo. A aula é aberta ao público e será ocorrerá no Salão Nobre da unidade Areias às 18h30.

Nas redes sociais, o IFCE – campus Iguatu lançou um concurso de fotografias. Com a hashtag #IFCEIguatu63Anos, estudantes, egressos, servidores efetivos e terceirizados podem publicar fotos e contar, na legenda, como a Instituição fez parte da história da pessoa.

HISTÓRIAS

O estudante Weverton Lima conheceu o Instituto pelos parentes. “Eu tive muitos familiares que estudaram aqui, primos e tios. Eles me indicaram o Instituto então já vem de muito tempo na minha família”, diz. Atualmente Weverton faz o quinto semestre do curso Integrado em Agropecuária.

Para Miliane Oliveira, do curso de Licenciatura em Química, a qualidade dos profissionais chamou a atenção. “Os professores trabalham no IF são mais completos. Eles nos ensinam muita coisa, não só as disciplinas, mas também outras coisas do mundo que a gente queria saber que a gente nunca viu. Eu acho que isso vai ser muito importante para a nossa formação e depois que a gente sair daqui também”, conta.

A servidora Rita Lobo, conhece bem essas e outras histórias. Trabalhando há quase 46 nos, ela já foi estudante do curso Técnico em Economia Doméstica e, em 1972, foi contratada para servir à Instituição. Nesse tempo, viu o seu Colégio mudar de nome e expandir até se tornar, há dez anos, parte da rede de Institutos Federais. “Em 63 anos, a história do campus foi pautada em muito progresso. Muitos estudantes aqui se sobressaíram e também muito servidores aqui são ex-alunos. (O IFCE) foi importante não só para a minha formação como também para Iguatu e essa região todinha”, lembra.

HISTÓRICO DO CAMPUS

O campus Iguatu do IFCE, teve origem em 1955, com a criação do curso de extensão de Economia Rural Doméstica, ainda vinculado ao Ministério da Agricultura. Em 1962, o Ministério da Agricultura criou o Colégio de Economia Doméstica Rural Elza Barreto. Com a função de formar professores para o magistério do curso de Extensão em Economia.

Com o tempo, o educandário ganhou reconhecimento e, em 4 de setembro de 1979, mudou o nome para Escola Agrotécnica Federal de Iguatu. A instituição manteve essa alcunha até dezembro de 2008, quando o Governo Federal resolveu unificar as Escolas Agrotécnicas de Crato e Iguatu, o Centro Federal de Educação Tecnológica de Fortaleza e as Unidades de Ensino Descentralizadas do Estado (UNEDs) (como Cedro, Juazeiro e Maracanaú etc) sob o nome de Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE).

Atualmente, a instituição oferece os cursos técnicos em Agropecuária, Agroindústria, Informática e Nutrição e Dietética Integrado ao Ensino Médio e os cursos Subsequentes em Agroindústria, Nutrição e Dietética, Informática, Comércio, Agropecuária e Zootecnia.

Há também os cursos superiores de Tecnologia em Irrigação e Drenagem, Licenciatura em Química, Licenciatura em Geografia e Bacharelado em Serviço Social, cujo acesso é por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Para avançar e dar continuidade ao ensino superior, o campus oferece a pós-graduação (Latu Sensu) Especialização em Educação Profissional e Tecnológica.

Após o empate por 1 a 1 entre CSA e Ceará, nesta terça-feira, pela Copa do Nordeste, os ônibus onde estavam torcedores do Ceará foram atacados por torcedores do CSA com pedras e rojões. O caso ocorreu no município de Messias, região metropolitana.
Durante a ação, a Polícia Militar, que fazia trabalho de escolta, trocou tiros com torcedores do CSA. Dois deles foram presos e quatro fugiram.
Segundo o presidente da Cearamor, Jeysivan Santos, que estava presente no veículo, o comboio dos torcedores estava voltando para a Capital escoltados por viaturas da PM quando avistaram, em um posto de gasolina, vários integrantes da organizada do CSA. “Eles passaram a seguir os ônibus com várias motos e dois carros. Jogaram pedras e soltaram rojões na direção do nosso ônibus. Descemos para saber se atingiram algo, mas erraram graças a Deus”, afirmou. Ainda conforme o integrante da organizada, não houve nenhuma motivação para o ataque. A TOC é aliada a torcida do CRB, maior rival do CSA em Alagoas.
Em contato com a reportagem do O POVO, a Polícia Militar de Alagoas informou os tiros partiram de dentro de um veículo e que outros quatros suspeitos fugiram. Ainda de acordo com a instituição, existia um histórico de violência entre os torcedores e justamente por isso fez a proteção dos ônibus com a torcida do Ceará. Ninguém ficou ferido.
De acordo com o site Gazeta Web, os presos são Lucas Lima Oliveira, de 18 anos, e Rafael de Lima Santos, de 23 anos. Eles foram conduzidos à Central de Flagrantes I, no bairro do Farol, em Maceió, para os procedimentos policiais cabíveis.
Anitta, 24, mudou o visual para gravar novo clipe em parceria com Wesley Safadão, 29. A cantora deixou o visual liso dos seus cabelos e adotou cachos.

Nas redes sociais, internautas se surpreenderam com a mudança -mesmo que momentânea. “Ficou maravilhosa cacheada”, disse uma seguidora do Instagram nos comentários de uma sequencia de fotos com os novos cabelos. “É mais um lacre, né?” e “Está divina” foram outros elogios deixados no espaço.

No Twitter, a mudança também repercutiu -e teve até quem não aprovou. “Anitta, fica com esse cabelo pra sempre, caralho tá muito linda”; “A Anitta de cabelo cacheado salvou meu dia” e “O que tá acontecendo com a Anitta, meu Deus já não basta aquelas roupas cafonas dos shows e agora esse cabelo”, escreveram alguns usuários do microblog.

O CLIPE

Filmado em Fortaleza, nesta segunda (19), o clipe da inédita música “Romance Com Safadeza” foi dirigido por Mess Santos, que já participou de outros projetos dos dois artistas.

Segundo comunicado enviado à imprensa pela Som Livre, o vídeo promete “muito swing, cores e alto astral”. A previsão é que o clipe, que também conta com participações dos influenciadores digitais  John Drops, Rica de Marré, Jéssica Dantas e Kaio Oliveira, seja lançado na primeira quinzena de abril. Esta não é a primeira vez que os dois cantores gravam um hit juntos. Em janeiro de 2017, Anitta e Safadão participaram do clipe “Você Partiu Meu Coração”, de Nego do Borel. Com informações da Folhapress.

Tenha você também a sua rádio